Cancelamento por No-Show

Cancelamento por No-Show:
O que fazer?

Saiba os seus direitos e o que fazer.
Você pode ter direito a compensação!

Resumo

⚖️ Não conseguiu comparecer no voo da ida ou início do trecho? A companhia aérea não pode cancelar a volta e nem o voo de conexão.

🔎 Caso você sofra o cancelamento da passagem de volta por no-show na de ida, o que é uma prática ilegal, você pode reivindicar uma indenização.

📃 Para isso, você deverá apresentar provas, como a declaração de contingência.

O que é No-Show em passagem aérea?

Primeiramente, falaremos sobre o significado de No-Show.

O termo vem do Inglês e significa, portanto, “não comparecimento”.

Na aviação civil, o termo é utilizado para quando um passageiro não aparece, deixa de embarcar ou perde um voo e não avisa à companhia aérea antecipadamente.

Como o não comparecimento no voo é um problema comum, existem duas situações mais recorrentes, que você poderá conferir a seguir.

Calcule sua indenização!

Responda algumas perguntas sobre sua viagem para saber quanto pode receber de indenização.

Iniciar simulação

Como acontece o No-Show?

É claro que os motivos para um passageiro não comparecer podem ser diversos.

No entanto, independentemente do motivo, pode haver o cancelamento imediato da passagem por parte da companhia.

O No-Show geralmente ocorre quando:
Para que o passageiro possa embarcar em outro voo, ele terá que pagar uma taxa de No-Show.

O que acontece se eu não comparecer no voo?

Com o não comparecimento de um passageiro, a companhia realizará o cancelamento da passagem por No-Show.

Com isso, para utilizar em um outro voo, será preciso fazer a remarcação, mediante pagamento de uma multa.

O que acontece se fizer check-in e não embarcar?

Como você leu, fazer check-in e não embarcar também caracteriza um No-Show.

Sendo assim, se for o caso, a passagem também será cancelada.

Por que o No-show existe?

A cobrança por No-Show existe pois a companhia se vê impedida de vender o assento a outro cliente.

Isso porque, com a ausência de um passageiro, a cadeira viajará vazia.

Inclusive, No-Show pode causar baixa ocupação de um voo, o que pode gerar atrasos ou cancelamentos, já que os custos para operar a aeronave com poucos passageiros podem não ser vantajosos à companhia.

O que fazer em caso de No-Show?

Se você não comparecer ao voo, causando um No-Show, você deverá entrar em contato com a companhia para cancelar ou remarcar a passagem.

Para isso, você precisará pagar a taxa de No-Show.

No entanto, se a sua passagem for promocional, infelizmente você será impedido(a) de remarcar e perderá o bilhete.

O que é legal e o que é abusivo no No-Show?

Existem duas práticas possíveis ao acontecer um No-Show, sendo uma delas legal e a outra abusiva.

A primeira é a solicitação de pagamento da taxa de No-Show, que é entendida como legal pelos tribunais brasileiros.

Já a segunda é a possibilidade de o passageiro sofrer cancelamento da passagem de volta pela companhia, devido ao No-Show no voo de ida.

Por exemplo: você se atrasou para a sua viagem de ida, resolveu viajar ao destino de outro modo e, quando chegou a hora de voltar, percebeu que a sua passagem de volta foi cancelada por no-show.

Se isso ocorrer, o passageiro poderá buscar indenização por danos morais!

Então no-show na ida cancela a volta?

Não! Se isso ocorrer, a companhia aérea estará cometendo um erro e o passageiro deverá ser indenizado.

Porém, para que você possa contar com o seu direito ao uso da passagem de volta, você deve informar com antecedência à companhia sobre seu interesse de utilizar o trecho, caso contrário, surgirá um novo No-Show.
Verificar meus direitos

O que diz a Justiça?

Como você já sabe, a cobrança de taxa por No-Show é entendida como legal.

Porém, essa cobrança não pode ser abusiva, como nos casos em que a cobrança da multa ultrapassa o valor da passagem.

Quanto os casos de cancelamento de passagem de volta por No-Show na ida, esses se configuram como venda casada, o que é ilegal.

Então No-Show gera dano moral?

Já que o cancelamento da passagem de volta por No-Show pode ser considerada uma venda casada, é possível pedir danos morais se isso ocorrer.

Se for o seu caso, conte com a Resolvvi para fazer justiça!

Nós te ajudaremos a dar entrada no pedido de indenização de forma online, sem burocracia e você só pagará pelo serviço se ganhar!

Como comprovar cancelamento por No-Show?

Para que o seu pedido de indenização por cancelamento por No-Show ocorra da melhor forma, você precisará contar com provas do ocorrido. Entre elas, podemos citar:
Com as provas em mãos, é hora buscar os seus direitos com a Resolvvi.
Verificar meus direitos

O que é multa por No-Show?

Quando um passageiro não comparece ao embarque e não avisa à empresa aérea com antecedência, ela perde a oportunidade de vender esse assento a outro viajante.

Por conta disso, foi criada uma taxa referente a essa questão.

Ou seja, se você perder o voo e quiser remarcar ou cancelar, vai ter que desembolsar um valor diferente daquele já pago na compra da passagem aérea.

Geralmente, quanto mais cara a passagem, menor a taxa de No-Show.

Por outro lado, quanto mais barata a passagem, mais cara será a taxa.

Vale lembrar que a tarifa de No-Show não pode ultrapassar o valor da passagem.

Quando não devo pagar a taxa de No-Show?

Como você sabe, a cobrança de multa por No-Show é legal.

Porém, em algumas categorias de passagens, sobretudo  premium, o passageiro estará isento da taxa de No-Show.

No entanto, você deve se informar com a companhia sobre esta regalia, antes mesmo da data do voos, afinal, cada companhia tem políticas próprias para o que oferecer em cada tarifa.

Existe no-show voluntário? Como funciona?

Lembra que existem duas situações de No-Show? Ou seja, quando o passageiro faz check-in mas não comparece e quando não chega a fazer check-in?

Pois bem, o check-in é o elemento principal para determinar qual das duas situações de No-Show ocorreu.

Quando o No-Show é involuntário, quer dizer que o passageiro fez o check-in mas não embarcou por conta de imprevistos.

Quanto ao No-Show voluntário, ocorre quando o passageiro sequer fez check-in, o que indica o desinteresse de embarcar.

Desse modo, quando um passageiro comete No-Show voluntário, é possível que os prejuízos sejam ainda maiores.

No entanto, cada companhia aérea tem as suas próprias regras para casos de não comparecimento, que geralmente estão relacionadas às multas a serem aplicadas por No-Show.

Como cancelar meu check-in?

Para evitar maiores problemas, é possível cancelar um check-in já feito.

Você pode fazer isso pelos sites das companhias aéreas, pelos aplicativos ou nos guichês dos aeroportos.

O que acontece se comprar passagem ida e volta e não usar a volta?

Nesse caso, você poderá solicitar a remarcação da passagem, mediante pagamento dos valores de multa.

Mas para evitar pagar mais caro, não deixe de fazer o check-in e comunicar à companhia sobre o interesse em utilizar o trecho.

Além disso, se for cabível, você poderá solicitar reembolso de passagem.

Como evitar No-Show?

Em casos de No-Show, o ditado “é melhor prevenir do que remediar” nunca fez tanto sentido.

Por ser um problema complexo e que geralmente assusta os viajantes de primeira viagem, preparamos algumas dicas para evitar o no-show!

Dicas para evitar No-Show

Ter um problema a menos para se preocupar às vésperas da viagem é sempre bom, não é mesmo?

Sendo assim, anote as dicas abaixo e fique livre de No-Show:
Com os meios acima, você estará mais seguro(a) para viajar sem muitos problemas!